Sunday, November 10, 2013

Sobre: pausa e aquário

Mais uma pausa. Volto depois de conseguir equilibrar-me melhor, provavelmente isso não acontecera assim de imediato... Voltei, sem ainda conseguir aquele equilíbrio desejado, suponho que seja algo inatingível, isso conforta. Já estamos em uma nova estação, é primavera, é bom escrever perpassando as estações, as sensações, tato e apego multiplicam-se. Agora tenho mais peixes que descem e sobem pelo aquário, de várias cores e formas, adoro observar os movimentos que fazem de cima para baixo, não à simetria alguma, não deve ter, é puro balé em correntezas frágeis e artificiais. São casais díspares que flutuam em um espaço que para muitos pode soar tão limitado, mas não é, fazem dele um mundo a parte, de tamanho e proporções jamais imagináveis. Não há como mensurar a riqueza da dança, companhia e flutuação. Um dia desses lhe falo sobre minha flutuação. Já pensou em suas flutuações? Sua Inconstância? Tenho certeza que sim, deve ser como essa ausência de simetria a qual citei acima, não haverá conformidade eterna, ou constância que um dia não necessite ser repensada. Não há. Ele.

No comments: